Anúncio

Stories Untold é um jogo digital desenvolvido pela No Code. Inicialmente lançado para PC em 2017, o jogo teve suas versões para consoles como Nintendo Switch, Xbox One e Playstation 4 disponibilizadas em 2020.

Com uma premissa de ser um jogo de terror episódico, dividido em quatro partes, que se interligam de maneira misteriosa a fim de desenvolver uma trama de culpa, sobrenatural e tecnologia, o título abusa de itens nostálgicos que ambientam o jogador nos meados de 1980, lembrando muito a popular série Stranger Things.

A similaridade com o título original da Netflix vai além do tempo em que ambas as produções se passam, já que o pôster e logo do jogo foram ambos criados pelo artista Kyle Lambert, que por a caso também trabalha na série.

Tendo experimentado a primeira história no PC quando foi lançada a versão gratuita (The House Abandon), eu estava bastante ansiosa para poder ver a versão remasterizada e completa do jogo, que conta com uma tradução total no idioma português-br (para as legendas, o áudio permanece em inglês).

Se você foi um jovem que já explorava os jogos de computador da década de 90, ou até antes, talvez você ache algumas familiaridades com o primeiro dos quatro episódios do jogo. The House Abandon, o capítulo que deu inicio a todo o jogo, segue no antigo formato text-base adventure, onde digitamos comandos e, conforme o que escolhermos, obtemos a resposta de texto para o que estamos presenciando. Nesse caso, somos um jovem que retorna a antiga casa de família abandonada e resolve jogar um jogo de computador que encontra no local.

Na versão para console, as opções já estão pré-definidas, o que torna a experiência mais fácil, talvez um feedback dado a versão original que deu alguns problemas para jogadores que não estavam familiarizados com o estilo.

Anúncio

Sem dar spoilers sobre a trama, o que posso dizer é que o jogo entrega perfeitamente a vibe de terror e suspense, com os aspectos mais simples possíveis, abusando de ótimos efeitos sonoros.

Os outros capítulos do jogo (nos quais são disponibilizados sempre quando você finaliza o anterior) seguem premissas semelhantes, entretanto, eles se utilizam de outras ferramentas de jogabilidade, que mesclam elementos de puzzle e escape game. Apesar de nenhum dos capítulos ser realmente difícil, ou haver a possibilidade de “perder” pode ser que os jogadores mais ansiosos não se sintam a vontade com o título, já que ele exige menos ação e mais raciocínio e paciência, além de optar por um método bem narrativo-textual para contar sobre a trama.

Esse é outro fator importante para compreender a jogabilidade de Stories Untold: você irá ler, e muito. A leitura é um aspecto essencial do game, mesmo com as mudanças nos capítulos seguintes, a ideia original de text-based adventure permanece, então se você também não for fã do estilo, sugiro procurar outro título.

Minha experiência com o game em si foi ótima, e me sinto muito feliz de ter tido a oportunidade de jogá-lo. Em aspecto de tempo, cada capítulo pode levar de 25 até 60 minutos dependendo da sua habilidade de solução de problemas.

Anúncio