Alive é um mangá one-shot destinado ao público adulto lançado 1999 por Tsutomu Takahashi, autor de obras como “Jiraishin”, “Skyhigh” e “Blue Heaven”. Alive inclusive ganhou uma live-action em 2002.

Confira também: Carnaval Glare – O Caçador de Bruxas | Review

Alive conta a história de Tenshu Yashiro, um detento condenado a pena de morte pelo assassinato de cinco pessoas incluindo a namorada, Misako Hara. Mas no dia de sua execução ele recebe uma proposta que o livraria da morte, aceitar ser cobaia de uma estranha experiência. Ele aceita a sobrevida e assim começa sua segunda condenação, envolvendo um colega de quarto perigoso e uma entidade no corpo de uma mulher.

alive capa panini
Capa da edição lançada no Brasil pela Panini (Imagem Divulgação)

Concluída & Curta

A obra foi concluída em dez capítulos, dessa forma o primeiro gole me fez beber a jarra toda. A história consegue prender o leitor e fazer ele ansiar por uma resolução dos eventos, já que a obra não perde tempo explicando regras ou normas para que os eventos aconteçam.

O designer dos personagens, diferente dos da época atual, busca ser mais realista, sem olhos grandes, talvez com a intenção de deixar o leitor mais identificado com os personagens.

Tenso, mas limpo

Apesar da temática pesada a obra não abusa de muito sangue ou gore, tentando impactar através de situações que geram tensão, com suicídio, tentativa de suicídio e estupro, mas nada é explícito. A tensão também é trabalhada através de alucinação, assim o leitor nunca sabe quando algo de fato aconteceu.

Alive capa
As capas da Panini (Imagem Divulgação)

Fim?

E como um bom filme de slasher da década de 80, o espectador ou nesse caso leitor, nunca vai saber se realmente acabou, porque a história termina, mas deixa uma dúvida pairando na sua cabeça.