Para quem achava que L: Change the WorLd seria a única light-novel de Death Note, tenho uma novidade: você estava enganado!

Confira também: Death Note – A justiça de L e a Hipocrisia de Kira

Death Note – Another Note: O Caso dos Assassinatos em Los Angeles é a segunda e impactante light-novel da série que conta o prelúdio (fatos ocorridos anteriormente) do mangá Death Note.

Capa da light novel lançada pela Editora JBC.

Lançado originalmente em 2008, e traduzida e editada pela editora JBC no Brasil em 2011, a trama conta os fatos ocorridos dois anos antes do primeiro acontecimento do mangá, quando Kira/Light encontra o Death Note. Mais detalhes AQUI.

Sobrenatural e Fantástico de Death Note

Diferente das outras obras (anime, mangá, live actions, filmes e até mesmo a outra light-novel) essa é a única produção que não mistura o sobrenatural e fantástico na obra, muito pelo contrário, nós somos apresentados a um texto ritmado em três narrativas no maior estilo romance policial.

A história gira em torno de personagens já conhecidos, o famoso detetive L está sendo confrontado por um antigo inimigo, um rival que foi criado no mesmo orfanato para crianças super dotadas que nem ele, seu nome? Beyond Birthday, ou B.B que tem como objetivo “vencer” L com um caso de assassinatos que ele jamais seria capaz de solucionar.

Para ajudá-lo na caça ao culpado, L convoca outra personagem já apresentada anteriormente na série animada e no mangá: Naomi Misora, a inteligente investigadora do FBI que está temporariamente suspensa.

Mas Another Note está no nível de Death Note?

Sejamos sinceros, muito do que faz a obra são os jogos mentais entre L e Kira, será que a ausência de um deles diminuiria a qualidade da obra? A resposta é: nem um pouco! Another Note está cheia de reviravoltas que vão dar nós na sua mente, a narrativa é empolgante e envolvente e o ritmo acelerado faz com que você não consiga parar de ler depois de ter começado a primeira página.

Another Note é mais uma obra do universo Death Note e tem excelência em sua construção e apresentação, além de ter uma edição brasileira muito bem feita. Mais uma vez é um convite para os fãs da série mergulharem nesse spin-off fantástico, e ter mais um gostinho de L.