Anúncio

Eae blz? Vamos de seinen com Love Letter. O mangá foi escrito e ilustrado por Seo Kouji, mesmo autor de Half & Half e Azusa. Foi publicado na Magazine Special em 2005 e possui 4 capítulos compilados em apenas 1 volume.

Segunda Guerra Mundial e Kamikazes

A historia começa com Anazawa Toshio pedindo Chieko Machida em namoro e a história se passa com uma troca de cartas entre o casal, já que Toshio se alistou na aeronáutica japonesa. Para quem leu/assistiu Querido John, vai se identificar um pouco com a trama.

O universo do mangá, como já dito, trata-se da segunda guerra mundial, haviam escolas feitas para treinar pilotos kamikazes, estes pilotos que se jogavam nos navios ou prédios com seus aviões para causar danos graves. Outro fator, é que o Japão ainda tinha aquele padrão da mulher ser virgem até o casamento e se resguardar pro homem de sua vida, o que é um dos tópicos tratados do mangá.

Chamando Atenção

O que me chamou a atenção foi a temática de amor à distancia, troca de cartas. Aspectos visuais não foram marcantes apesar de o traço ser bonito. Mas pode ter certeza, o roteiro e a temática é o que sobressai nesta obra.

E se vale ou não a pena ler: SIM!

Com seus quatro capítulos, o volume único é muito curto, não passando de 100 paginas. Então fica com aquele gostinho de “podia ser maior”, mas ainda assim, vale muito a pena! Se você gosta de um drama romântico, vai adorar Love Letter, pode ter certeza.

Por Victor Nunes