Como já havia sido anunciado anteriormente, o contrato de Chris Evans com a Marvel chegou ao fim. Todos esperavam se despedir do Capitão América ainda em Guerra Infinita, mas para a nossa surpresa Chris ainda estará conosco em Ultimato.

No dia 4 de outubro desse ano o ator postou no seu Twitter uma mensagem de despedida para os fãs com o fim das gravações, mas apesar de dizer adeus ainda resta saber como sua história terminará no ultimo filme.

Em uma entrevista para The Hollywood Reporter em 15 de outubro deste ano, Evans disse: “Esse último dia de filmagens foi realmente um dia muito emocionante, foi a culminação de quase 10 anos filmando 22 filmes – essa inacreditável tapeçaria – e você se sente muito mais emocionado do que achou que se sentiria, e eu achei apropriado compartilhar minha gratidão. Eu sei que isso [a despedida] teve um efeito cascata, mas eu não estou confirmando nem negando nada.”

Ele revelou também que apesar de ter sido surreal tirar seu icônico traje, a cena final que gravou não foi marcante por ter sido uma regravação de algo que precisava ser consertado.

Foi algo realmente idiota. Algo bobo, mesmo assim, eu não posso revelar. Bem, você sabe, foi uma regravação, então eu fiquei fazendo essas cenas curtas, coisas pequenas que eles precisavam. Talvez tenha sido algo que eu falei ao Paull Rudd [Scott Lang]. Ele nem estavam lá, mas foi uma fala boba. A minha fala não foi memorável para mim. Aquele dia foi mais memorável que a minha última fala, disse Chris Evans para a CBR.com.

Numa entrevista para a ET, em 04 de outubro, Evans afirmou: “É quase assustador pensar [nos filmes] sendo concluídos. É sempre tão bom me envolver nisso e apenas dizer “Tudo bem, mais um [filme] já foi”. Mas ao mesmo tempo é quase como o ensino médio. Você continua olhando para quando vai terminar, e estamos quase terminando agora, e você ainda não está exatamente pronto para o fim”.

Chris Evans admite que se sentiu um pouco apreensivo nas discussões iniciais sobre o manto de Steve Rogers, mas depois de aceitar o papel, Evans afirma:

[Vou sentir falta] de tudo [do Capitão América]. Quero dizer, ele não é apenas um personagem, são as pessoas, a experiência, bons filmes, memórias maravilhosas. Eu vou sentir muita falta.

“É a culminação de uma jornada bem longa para muitas pessoas, então sim, é emocionante.” Afirmou o ator em Los Angeles para a imprensa de Ultimato nessa sexta (26/04).

Oito anos e sete filmes no papel do Capitão América, Evans revelou como foi seu último dia em uma entrevista para o Yahoo! Entertainment:

No meu último dia filmando eu era o único ator no set. Obviamente os irmãos Russo e Kevin Feige estavam lá, mas ainda assim, só de ouvir alguém falando É isso, gravação concluída você fica arrepiado. É algo grande

Chris disse que seu crescimento como ator nos últimos oito anos foi muito inspirado no crescimento do próprio Capitão América, introduzido em 2011 em O Primeiro Vingador até a luta final contra Thanos em Ultimato

Havia um paralelo entre o personagem e eu em muitos aspectos. Eu acho [que o capitão] tem – não uma relutância – mas se sente ligeiramente deslocado as vezes, e tem que se adaptar. Mas tem sido uma comunidade de pessoas maravilhosas que tem feito eu me sentir bem vindo e seguro e com o passar do tempo, isso se tornou um lar. E de várias formas, é nisso que eu acho que o Cap cresce … encontrando o seu lugar. 

Vinhamos nos preparando para esse momento à algum tempo, mas se despedir do Chris Evans como Capitão América não será nada fácil.

Sinopse: “Com a culminação de 22 filmes interconectados, o quarto filme da saga dos Vingadores fará público testemunhar o ponto crítico desta jornada épica. Nossos amados heróis perceberão o quão frágil é a realidade, e também os sacrifícios que precisam ser feitos para defendê-la.”