Anúncio

Wotaku ni Koi Muzukashii, ou It’s Difficult to Love an Otaku, é um anime de comédia, slice of life e romance. Foi lançado no dia 13 de abril, na Temporada de Primavera de 2018, e terminou no dia 22 de junho.

Teve apenas 11 episódios e foi produzido pelo estúdio A-1 Pictures e o diretor é o Yoshimasa Hiraike, diretor de Working!! No Brasil, o anime foi lançado pela Amazon Prime Video.

Origens de Wotaku

Wotaku é baseado em um mangá de mesmo nome, que ainda está em lançamento. Começou a ser publicado em 2014 e é escrito por Fujita, que só tem esse trabalho.
Wotaku conta a história de Momose Narumi, uma garota que está prestes a começar seu novo emprego.

Ela é otaku, mas esconde isso de todos, já que otakus não são bem vistos no Japão. Ela teve problema com seu ex namorado por causa de seus gostos, então prefere evitar possíveis novos problemas. Só que nesse novo emprego ela revê um amigo de infância, Nifuji Hirotaka, que também é um otaku, mas seu vício é em games. O problema é que Nifuji conhece esse segredo de Momose, o que a apavora.

Para manter a boca calada de Nifuji, Momose o chama para beber após o serviço, e pede a ele que esconda seu segredo. Mas eles se dão tão bem, que acabam reatando a amizade. E nesse meio tempo, Momose se aproxima de mais dois colegas que já são próximos de Nifuji, Kabakura Tarou e Koyanagi Hanako. E esses quatro juntos são o foco do anime.

Wotaku ni Koi wa Muzukashii
Wotaku ni Koi wa Muzukashii
(Imagem Divulgação)

Laço de Amizade

Ao longo do anime, é possível ver a relação deles crescendo, e não só em grupo. Kabakura e Nifuji fortalecem sua amizade, Koyanagi e Momose criam um laço de amizade logo cedo. Mas também tem a relação de Momose com Nifuji e Kabakura com Koyanagi. E Nifuji com Koyanagi e Kabakura com Momose. É interessante, pois mesmo com poucos episódios, conseguimos ver que o anime trabalha bem a relação dos personagens, até daqueles que parecem mais distantes. Aparecem mais dois novos personagens, um deles é mais trabalhado que o outro, mas ainda assim ficou a desejar.

Como o anime trata muito sobre o tema otaku, fazendo referências à animes, mangás e jogos, é muito fácil para seu público se identificar e criar um laço com o anime. Além de ser extremamente divertido e gostoso de se assistir. É o típico anime que você conseguiria ficar horas assistindo sem se cansar.

 

Bons Personagens

A trama é bem leve, e os personagens são muito bons, inclusive os de apoio, Kabakura e Koyanagi. São quatro personalidades diferentes, e que ao mesmo tempo, são muito comuns, então é quase certeza de que o espectador vai se identificar com algum dos personagens.

Durante os episódios há várias referências, principalmente a outros animes/mangás, e é bem divertido ficar caçando no cenário, nas falas, nos objetos em volta e tentar identificar de onde é a referência. Com um tema como esses, era de se esperar que houvesse algumas menções.

Uma das partes que mais me agradou é que é um romance entre pessoas adultas, saindo do comum que são os adolescentes na escola. E ao mesmo tempo em que eles são personagens maduros, eles deixam seu lado adolescente vivo também, e é bem assim que são os adultos. E só por se tratar de adultos, o anime já foge dos clichês recorrentes em animes de romance. É uma história bem fiel a realidade e bem construída.

Wotaku ni Koi wa Muzukashii pôster
Wotaku ni Koi wa Muzukashii (Pôster Divulgação)

Técnica

A A1-Pictures, como sempre, fez um ótimo trabalho com a animação. Os personagens são bem parecidos com o mangá, mas ficaram ainda melhores com o toque especial do estúdio.
A abertura é incrível, a música é viciante, e gostosa de ouvir. A música se chama “Fiction” e é cantada pelo grupo Sumika. O encerramento também é muito bom, e ficou por conta da Halca, e se chama “ Kimi no Tonari”.

O anime ficou com 8.1 no MyAnimeList, mostrando que foi bem popular entre as pessoas que assistiram, e é uma nota parecida com a do mangá, também no MAL.

Uma dica para quem ainda vai assistir ao anime: depois dos encerramentos de todos episódios há uma cena pós-credito, para dar um gostinho a mais para quem assiste.

Indicado para…

Eu super indico esse anime, até para quem não é muito fã de romance, já que esse anime trata mais sobre pessoas, e seus relacionamentos variados durante o dia a dia. Vale muito a pena, ainda mais pela temática otaku. Inclusive, alguns de vocês podem até ter um relacionamento parecido com os dos personagens, ou ser parecido com alguns deles, já que é algo tão próximo de nossa realidade.

Eu só não dei nota máxima para o anime, pois acho que foi muito curto e o final foi muito simples. Gostaria que tivesse, pelo menos, uns 13 episódios, e durar mais um pouquinho. Eu entendo que, por ser um anime slice, não tem muitas maneiras para terminar o anime, mas eu esperava que tivesse um final melhorzinho.

Mas agora fica a torcida para o anime ir tão bem a ponto de renovarem para uma segunda temporada, já que ele deixou um gostinho de quero mais em muita gente.