Anúncio

Mahou Shoujo Site ou Magical Girl Site é um anime de horror, drama e sobrenatural. Foi lançado no dia 7 de abril e no Brasil saiu pela Amazon Prime Video. Terminou no dia 23 de junho, na Temporada de Primavera 2018, com 12 episódios.

VEJA TAMBÉM NOSSO PRIMEIRO GOLE

O estúdio que produziu o anime foi o production doA, que só teve um trabalho anteriormente. Seu diretor foi o Matsubayashi Tadahito, que já trabalhou em muitos projetos e não só como diretor.

O mangá, em que foi baseado o anime, tem o mesmo nome, e é escrito pelo Satou Kentarou, que tem algumas obras no mesmo gênero de Shoujo Site, então podemos considerar que esse é o habitat natural dele. Ainda está em lançamento, e começou a ser publicado em 2013 – o primeiro gole do mangá você confere AQUI.

Mahou Shoujo Site
Mahou Shoujo Site (Imagem Divulgação / production DoA)

Quem é Asagiri Aya? 

Mahou Shoujo Site começa contando a história de Asagiri Aya, uma garota que sofre bullying na escola e também sofre nas mãos de seu irmão mais velho, que a usa como um antiestresse. Shizukume Sarina e seu grupo pratica todo tipo de violência contra Asagiri, inclusive psicológica.

Graças a esse grupo, Asagiri não tem forças para falar, se enturmar com a classe, ou ser feliz. E quando chega em casa, seu irmão Kaname a tortura física e psicologicamente também, pois assim ele “alivia” toda a pressão que a família dos dois coloca sobre ele. E que pais são esses que não percebem o que acontece na própria casa? Sem esperança de felicidade, Asagiri tenta se matar algumas vezes, mas nunca consegue, pois algo a segura ali.

Anúncio

Um dia, Asagiri está em seu quarto, e um site misterioso aparece na tela, o Mahou Shoujo Site. E um “ser”, que mais para frente se apresenta como “administrador do site”, diz que ela é uma pobre alma e que ele pode lhe dar poderes para enfrentar seus problemas. No dia seguinte, Asagiri recebe uma arma com o cano em formato de coração. A partir desse momento, ela se torna uma garota mágica.

Mágica e Infeliz? 

Durante o anime, outras personagens vão aparecendo, garotas de todo o tipo, com poderes diferentes, e angústias diferentes. Toda garota mágica é uma garota que passou por infelicidades na vida. Algumas se juntam, algumas lutam, e essa é a premissa básica de Shoujo Site.

Por mais que a história tenha um quesito interessante que é trabalhar o tema de “Mahou Shoujo” de um jeito mais sombrio, a história peca em vários momentos, se tornando maçante, e irritante.

Talvez nunca devesse ter sido adaptado, já que eu li o mangá, e minha relação com a história foi diferente, mesmo que o anime tenha adaptado fielmente o original. Acho que o principal disso é a personagem principal. No anime ela consegue ficar bem mais irritante que no mangá, fazendo o espectador passar nervoso por causa de suas atitudes e reações. Ainda mais porque alguns dos problemas do anime são causados, em parte, por ela.

Mahou Shoujo Site
Mahou Shoujo Site (Imagem Divulgação / production DoA)

Mangá x Anime

Eu acompanhava o mangá, mas depois de ver em anime, e ter mais detalhes, a obra acabou mudando um pouco em meu conceito. A equipe fez um ótimo trabalho adaptando o mangá, mas se o anime é maçante assim, então o mangá deve ser a mesma coisa e eu não notei, já que estava tão fascinada por ler um Mahou Shoujo sombrio.

Há personagens secundárias bem interessantes, mas elas são mal aproveitadas, já que todo o tempo de tela foi da Asagiri (não precisava ser assim). Aliás, personagens que são bem melhores que a protagonista em vários aspectos.

A abertura tem um ponto positivo, já que vai mudando ao longo do anime, conforme vão entrando novas personagens, inserindo cenas com as novatas, e assim evitando spoilers na própria opening. Ela se chama “Changing point” e é cantada pelo grupo i?Ris. E tem uma abertura especial, onde o vilão que canta a abertura, e eu achei isso bem legal. O encerramento é meio estranho, já que tem cenas de garotas reais dançando (não entendi o propósito disso). A música é a “Zenzen Tomodachi”, cantada pela Haruka Yamazaki.

Uma boa adaptação?

Mas não me arrependi de ter assistido o anime, já que deu para tirar algumas coisas boas, como uma trilha musical boa, vilões interessantes e característicos, e alguns personagens que valiam a pena.

O anime recebeu uma nota mediana no MyAnimeList, 6,6, mas os comentários foram bem negativos, mostrando que a obra desagradou muita gente, e muitos deram nota 1 para Mahou, tirando todo crédito que ele poderia ter com o mangá.

Aliás, o anime termina em aberto já que o mangá não foi finalizado ainda. Mas se terá segunda temporada não sei.

ASSISTA AGORA NA CRUNCHYROLL

Anúncio
REVIEW
Mahou Shoujo Site
Artigo anteriorApós eliminação na Copa, japoneses deixam mensagem de agradecimento
Próximo artigoVem aí a Copa dos Animes do Suco de Mangá!
Graduada em Publicidade, com especialização em Produção de Conteúdo. Sou escritora, mas não termino nenhuma história. Adoro videogames, mas sou ruim em todos. Devo ter mais horas assistindo anime do que dormindo. Viciada em música, principalmente daquelas bandas que ninguém conhece. A esquisitona do rolê.
Asagiri Aya é uma jovem que foi vítima de valentões na escola. Procurando uma maneira de escapar de seus problemas, ela se distrai na internet, quando aparece um site misterioso chamado "Mahou Shoujo Site". Só de olhar para a página faz Aya entrar no mundo mortal do Magical Girl Apocalypse. Lá, luta ou morte, contra uma série aparentemente infinita de máquinas de matança selvagens e adoráveis, cada uma armada de poderes mágicos e uma sede inextinguível de sangue e caos. mahou-shoujo-site-review