A 3ª edição da CCXP – Comic Con Experience, que acontece entre 1 e 4 de dezembro no São Paulo Expo, em parceria com o Instituto HQ, que contará com estande próprio no evento, confirma a presença do quadrinista e roteirista britânico James Robinson, co-criador (junto a Tony Harris) do sétimo Starman, personagem original da Era de Ouro das HQs, pertencente à Sociedade da Justiça da América nos quadrinhos da DC Comics, que estará no estande durante todo o evento. Em 1997, o trabalho de Robinson com a série do herói lhe rendeu um Prêmio Eisner de Melhor História Serializada.

Peter Kuper vem ao Brasil para lançar “Ruínas” na CCXP 2016

james robinsonOutros trabalhos de Robinson na década de 1990 na DC Comics que se destacam são a série Batman: Legends of the Dark Knight, a minissérie Vigilante e o spin-off de Sandman chamado Witchcraft. Na Marvel Comics, foi o roteirista dos títulos Cable e Generation X entre 1997 e 1998, incluindo o crossover Operation: Zero Tolerance, além de escrever alguns números da versão Heroes Reborn de Capitão América. A série Leave It to Chance, criada por Robinson e Paul Smith na Image Comics, garantiu-lhe mais dois Prêmios Eisner em 1997, de Melhor Série Nova e Melhor Título para Jovens Leitores.

Nos anos 2000, o quadrinista se dedicou majoritariamente a títulos do panteão da DC Comics, como Batman (Face the Face), Superman (The Coming of Atlas, War of the Supermen) e Liga da Justiça. Com a reformulação Novos 52 em 2011, Robinson ficou responsável pelo título Terra 2 e inovou ao apresentar a nova versão do Lanterna Verde, Alan Scott, como homossexual.

james robinson 3Em 2013, encerrou sua parceria de longa data com a DC com o número 16 de Terra 2, e, desde então, roteirizou histórias para a Marvel e Image Comics, entre outros projetos. Seu último trabalho é Grand Passion, série criada ao lado do artista Tom Feister para a editora especializada em histórias sobre crimes Dynamite, que deve chegar às bancas nos Estados Unidos em novembro.

“James Robinson é um dos grandes roteiristas dos quadrinhos, com passagens pelas mais importantes editoras e títulos, sem deixar de investir em histórias autorais e cheias de personalidade. Na Comic Con Experience os fãs terão a chance de conhecer e interagir com esse grande nome dos quadrinhos”, ressalta Ivan Freitas da Costa, sócio da CCXP.