O filme Aves de Rapina (E a Fatabulosa Emancipação da tal da Arlequina) será lançado no ano que vem e exibições testes já estão sendo feitas para os executivos da Warnes Bros, mas de acordo com as ultimas noticias, o que foi apresentado está dividindo opiniões.

De acordo com Stephen M. Colbert, jornalista da Screen Rant, a Warner está com o pé atrás apesar do publico que assistiu a primeira exibição ter gostado e isso é preocupante para os fãs, tendo em vista que caso o estúdio fique incerto sobre os lucros e a popularidade do filme pode fazer mudanças mesmo depois de pronto, como aconteceu com Esquadrão Suicida e Liga da Justiça, com mudanças e cortes no filme quase já pronto.

“Então a exibição teste de Aves de Rapina fez a audiencia delirar, mas o teste interno com a Warner Bros. teve, aparentemente, o efeito oposto. Foi basicamente tudo o que eu precisava para me tranquilizar. Só espero que Robbie possa manter as mãos deles longe disso.”

O jornalista fala de Margot porque ela além de estrelar, também é produtora do filme. Aves de rapina terá a direção de Cathy Yan, com roteiro de Chistina Hodson, estrelando Margot Robbie, Mary Elizabeth Winstead, Jurnee Smollett-Bell, Ewan McGregor, Ella Jay Basco e Chris Messina.

Confira o teste de câmera lançado:

“Depois de se separar do Coringa, Harley Quinn (Margot Robbie) se junta a outras três heroinas — Canário Negro (Jurnee Smollett), Caçadora (Mary Elizabeth Winstead) e a policial Renée Montoya (Rosie Perez) — para salvar a vida de Cassandra Cain (Ella Jay Basco), a Orfã/Batgirl, do senhor do crime Roman Sionis (Ewan McGregor), o Máscara Negra, que começa a causar destruição em Gotham.”

Aves de Rapina estreia no Brasil em fevereiro de 2020.