bts billboard 2018

A cultura coreana no Brasil não é nenhuma novidade já faz um bom tempo. A extinta Rede Manchete apresentava algumas aulas de Tae Kwon Do com o Mestre Kim. E isso foi no final dos anos 1980. Ele chegou até a ganhar uma revista em quadrinhos.

A imigração dos Coreanos em solo verde e amarelo, começou em 1963 e não parou mais. E sua forte concentração está no Estado de S.Paulo, com mais de 90% e a cidade paulista é sem dúvida alguma a quem eles adotaram como seu lar.

E lógico que a sua rica cultura cairia no gosto dos brasileiros. Principalmente o chamado K-Pop, o Korean Pop.

O mercado k-pop no Brasil cresce anualmente com novos artistas aparecendo e se adaptando a este novo estilo. E nossos artistas não ficam a dever em nada, pois o brasileiro possui aquela criatividade em seu sangue.

Nossos artistas acabam seguindo uma linha que se assemelha a de seus ídolos e depois acabam criando algumas tendências, principalmente como influenciadores. E acredito que em pouco tempo teremos participações de brasileiros nas músicas de k-pop.

É por este motivo, pela enorme influência asiática no Brasil e agora dominando o mundo, que o k-pop vem para mostrar que seu estilo é aberto e cheio de diversidade. Um bom exemplo é o grupo BTS, um dos maiores do mundo é unanimidade e inspiração para outros artistas. Eles conseguem abraçar toda a diversidade mundial e manterem-se fieis a suas origens.

E nosso país, que é o fruto de uma miscigenação, está sempre aberto ao novo e principalmente as raízes. E foi por isso que bandas famosas acabam enxergando o Brasil de forma tão carinhosa. Cada idol que passa em uma mini ou grande turnê nacional, é recepcionado de maneira acolhedora pelos fãs. E isso nos torna um dos melhores anfitriões, principalmente quando o assunto é a música que até pouco tempo atrás não possuía espaço na mídia do ocidente, mas sempre foi querida pelo público brasileiro.

Agora, por que gostamos tanto do k-pop afinal? Porque eles possuem o essencial que os fãs gostam. Utilizam o seu estilo como meio de motivação, com músicas que falam sobre amar a si mesmo, a continuar a lutar mesmo que te julguem ou falem o contrário.

São temas que cantam para a alma de qualquer pessoa, não importando a idade ou gênero. E é sobre isso o que desejamos cantar: a vida!

“KAZ”, é dançarino (kpop/street) e rapper.

INSTAGRAM