Anúncio

Entre 13 de julho e 21 de outubro de 2018 o Museu da Imagem e do Som (MIS), localizado na cidade de São Paulo, esteve com a mostra “Hitchcock – Bastidores do Suspense” em exposição, que homenageia esse grande diretor que ficou famoso pelos seus filmes de suspense e horror como Janela Indiscreta, Os Pássaros, Um corpo que Cai e Psicose.

A exposição, que contou com grandes patrocinadores como Multiplus, Itaú, Getnet e Raízen, se dividiu em dois diferentes andares, com os mais variados itens originais de coleções de instituições internacionais como a Biblioteca Margaret Herricj, e o Acervo Marc Wanamaker | Bison Archives. Você poderia conferir desde os pôsteres das obras em vários países, até peças bizarras como uma carta de um aluno ao diretor, pedindo a “correção” de uma palavra na divulgação do clássico Os Pássaros.

Alfred Hitchcock Papers, Margaret Herrick Library, Academy of Motion Pictures and Sciences

Com espaços sensoriais e temáticos, os visitantes podiam passear pela trajetória de sucesso do diretor, produtor e roteirista britânico, que iniciou com filmes de mistério e teve seu ápice nos longas de suspense e terror. A exposição abordava toda a linha do tempo de Hitchcock, começando por suas participações e produções na Inglaterra, até seu ápice nos Estados Unidos e sua morte decorrente a problemas renais.

No segundo andar era possível conhecer itens diferenciados e únicos, como obras primas da figurinista Edith Head nos filmes do cineasta, além de jogos inspirados no diretor, vídeos de entrevistas e até mesmo uma “Experiência imersiva no cenário de Psicose” onde grupos de até 8 pessoas entram em um cenário clássico do filme, e no maior estilo Escape Game, precisam encontrar uma maneira de sair do local.

Alfred Hitchcock Papers, Margaret Herrick Library, Academy of Motion Pictures and Sciences

A mostra ainda tinha uma programação paralela com maratonas, cursos e lançamentos. Além disso o MIS preparou uma playlist exclusiva a respeito da exposição, com trilhas sonoras emblemáticas e curiosidades sobre a carreira do cineasta. A playlist pode ser acessada diretamente no perfil do MIS no Spotify AQUI.

A loja do museu também contou com uma coleção exclusiva da exposição com livros, filmes, camisetas e acessórios inspirados nas obras de Alfred Hitchcock, visita imperdível para os fãs do artista, e do cinema de horror em geral.