Giselle, do AESPA, pede desculpa após dublar termo racista

Giselle Aespa
Imagem Divulgação
Anúncio

Em meio às promoções de sua nova música, Savage, o AESPA tem liberado alguns conteúdos para os fãs de seu trabalho. Assim, foi em um desses vídeos que a rapper Giselle se envolveu em uma polêmica nas redes sociais.

A idol aparece ao lado das integrantes Karina e NingNing, dublando a música Love Galore, da SZA. Acontece que um dos trechos da música possui uma palavra de cunho racista que foi dublada por Giselle.

Sobre isso, ela veio a público nas redes sociais oficiais do AESPA e disse:

Olá, aqui é a Giselle.

Eu gostaria de me desculpar por dublar uma palavra errada da música que eu estava cantando,  eu não falei aquilo intencionalmente, fui levada pelo momento em que a música de uma das minhas cantoras preferidas começou a tocar. Eu sinceramente peço desculpas. 

Vou continuar a aprender e ser mais consciente nas minhas ações.

O posicionamento de um artista da SM sobre racismo é novidade, visto que diversas vezes polêmicas como esta tendem a ser silenciadas pela empresa. Portanto, esperamos que a questão esteja sendo discutida entre os artistas da Coreia. Além disso, o vídeo já foi deletado pela SM.

 

Anúncio
Anúncio