naomi watanabe
Anúncio

Após a polêmica do Chefe do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Tóquio, Yoshiro Mori, fazer declarações ofensivas ao número de mulheres no comitê e que o tempo de fala delas deveria ser reduzido e sua devida expulsão do comitê, mais uma vez as Olimpíadas de Tóquio são alvo de uma controvérsia por parte do comitê organizador. Ele foi substituído por uma mulher, Hashimoto Seiko, apenas 6 dias depois das declarações sexistas.

Agora, o Chefe Criativos dos Jogos, Hiroshi Sasaki, também se demitiu após propor em um grupo do Line que Naomi Watanabe se vestisse como uma porca e aparecesse como a “オリンピッグ” (Olimpig = Olimpíadas + Porco). A “ideia” foi rejeitada pelos colegas que disseram que isso era totalmente inapropriado.

Watanabe tinha sido contatada para aparecer na cerimônia de abertura das Olimpíadas de 2020, mas disse que depois das olimpíadas terem sido canceladas, ela não recebeu mais nenhum contato sobre isso. Em declaração, ela disse ter ficado surpresa com o comentário, é feliz com sua aparência e que como ser humano, deseja que todos possam viver em um mundo divertido e próspero onde todos se respeitam e reconhecem a individualidade e forma de pensar do próximo.

As Olimpíadas de Tóquio deveriam ter acontecido em 2020, mas devido à pandemia, o Comitê Olímpico Internacional aceitou o pedido do Japão de realizá-lo em 2021. Até o momento, o evento acontecerá, apesar dos percalços da pandemia e das polêmicas envolvidas com o comitê organizador japonês.

Leia também: Tóquio é uma cidade? Entenda!

Anúncio