Anúncio

Estou aqui de novo para falar de Manhua, meu vício adquirido durante a pandemia, e hoje para fazer a REVIEW de um dos meus títulos favoritos do aplicativo Webtoon: Unholy Blood (ou ainda White Blood, na tradução literal do coreano).

Enredo

Em um mundo onde os vampiros são reais, os seres humanos vivem em constante temor de serem feitos de jantar. A ameaça é real, e cada vez mais pessoas comuns estão se transformando, deixando a população em pânico, e gerando ódio às criaturas da noite. Hayan Park é uma jovem universitária que quer apenas levar uma vida normal, entretanto, após um ataque inesperado, ela é obrigada a aceitar um segredo obscuro a fim de proteger aqueles que ama.

Com uma temática sobrenatural, UB se tornou um dos meus títulos queridinhos de 2020, e por consequência 2021. Com um início rápido, onde eram publicados dois episódios por semana, a trama policial que usava vampiros como uma alegoria para discriminação, desigualdade social e violência, me conquistou pelo roteiro interessante e as belas artes.

Uma história surpreendente

Unholy Blood, diferente de muitos outros títulos, não fica “rodeando o assunto”, com uma quantidade de capítulos inferior a maior parte de outros manhuas (apenas 90 sem contar os epílogos), a história apresenta rapidamente uma situação de perigo a protagonista, assim como de perda, que motivada pela vingança (e sede de justiça) se une à forças policiais para descobrir e eliminar um grupo de vampiros que tem planos sinistros para o mundo inteiro.

Apesar da trama ter alguns clichês, ela consegue surpreender de maneira positiva em vários aspectos (até mesmo eu que sou famosa por adivinhar os plots logo no início), além disso, mesmo que muitas das personagens possuam passados obscuros e violentos, é interessante como a protagonista jamais aceita isso como uma justificativa para atos hediondos. UB deixa claro em seus capítulos o quanto a violência é um ciclo vicioso, mas isso não significa que pode ser incentivada.

Com uma mistura de mistério, aventura, drama e romance, a obra consegue se manter fiel ao seu plot do início ao fim, não desviando do caminho do que é determinado desde o início, o que garante que os leitores não se decepcionem durante a leitura (como acontece com outros títulos que possuem uma repentina “mudança” de rumo no meio). Ou seja: A trama é sobre caçar vampiros com ação, briga e investigação, todo o resto é secundário e será tratado como tal.

Anúncio

Últimas considerações

Apesar de eu ser mais uma fã de romances (históricos e isekais) UB foi um dos poucos títulos fora da curva que me conquistaram, e conseguiu me arrancar lágrimas nos capítulos finais, ainda mais quando fazemos paralelos com a nossa situação atual global.

Para aqueles que estão buscando uma obra a fim de iniciar sua jornada no mundo dos manhuas, Unholy Blood é uma ótima pedida, já que oferece uma história cativante ao mesmo tempo que intensa e relativamente curta (com episódios gratuitos em inglês no aplicativo Webtoon).

LEIA AQUI

Anúncio