break the silence
Anúncio

A rede UCI Cinemas já reabriu seus complexos em oito das treze cidades no Brasil – São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Fortaleza, Manaus, Belém, Campo Grande, Ribeirão Preto – e um dos destaques é para “Break The Silence: O Filme”, a mais nova produção do grupo k-pop BTS.

Depois de lotar as salas com “Burn The Stage: The Movie”, “BTS World Tour: Love Yourself in Seoul” e “Bring The Soul: The Movie”, a banda sul-coreana volta às telonas no dia 29 de outubro e será destaque até 4 de novembro, com sessões limitadas.

Dica: quem é cliente UCI UNIQUE tem ainda mais vantagens na compra de ingressos de “Break The Silence: O Filme”, porque os associados ao programa de benefícios da rede pagam valor de meia-entrada: Salas normais (R$ 25) e salas VIPs (R$ 37,50).

Sobre: Com hits do início ao fim, o quarto filme da banda traz os astros em sua primeira turnê internacional em estádios e acompanha a rotina de Jin, V, Suga, J-Hope, RM, Jimin e Jungkook longe dos palcos e holofotes. O tour mundial do BTS “Love Yourself: Speak Yourself” liderou a Billboard Boxscore e consagrou o grupo como o primeiro coreano a se apresentar no Estádio de Wembley. Os shows passaram por Los Angeles, Chicago, Nova York, São Paulo, Londres, Paris, Osaka, Shizuoka, Riad e Seul.

Para maiores informações, disponibilidade e programação completa, acesse o SITE OFICIAL.

Leia também: BTS | Jogo do grupo de k-pop estreia esse mês


Protocolo OMS e Medidas de Segurança

Desde o retorno de seus cinemas, a UCI segue à risca o protocolo obrigatório recomendado pelas autoridades de cada cidade e pela OMS (Organização Mundial de Saúde). A rede também conta com a aprovação dos médicos infectologistas Francisco Beraldi e Raquel Monteiro, que consideram os cinemas da UCI aptos para a reabertura e de acordo com as indicações da OMS, do CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças) e da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Além disso, a rede implementou exclusivo sistema de purificação do ar condicionado nas suas salas no Brasil: o iWave, um sofisticado equipamento com polarizadores de íons que destroem não apenas o vírus do Covid-19, como qualquer outro microrganismo. Importada dos Estados Unidos, a tecnologia é usada pela primeira vez em cinemas brasileiros e emite nos dutos de ar condicionado íons com cargas positiva e negativa, que se aderem a qualquer partícula do que não seja neutra, neutralizando e destruindo vírus, bactérias, ácaros e fungos. Esse sistema purifica completamente o ar, eliminando também partículas nocivas à saúde, como resquícios de dióxido de carbono.