Anúncio

Se tem algo que me chama atenção é quando um jogo traz em sua essência a música. Então badalado pelo BIG Festival e indicado para concorrer a prêmios na Nordic Game Discovery Contest (NGDC), Of Bird and Cage chegou.

E não é apenas um jogo, é uma obra musical, um álbum que traz suas faixas carregando o jogo. Então se prepare para um misto de emoções, quando o melhor do metal sinfônico e  vários artistas se unem em um projeto e ele está em suas mãos, em seu controle.

A bela e a fera

Of Bird and Cage traz uma construção do clássico “A Bela e a Fera” com assuntos atuais. Então conheça a história Gitta Barbot, uma garota de 25 anos viciada em uma droga sintética chamada GSBV. Esse vicio traz consequências diretas a realidade dela a ponto de colocar ela ao seu limite.

Se prepare para encontrar junto com Gitta, a verdadeira historia que envolve ela, sua família e sua “besta” Bres Lupus. Já deixo aqui o fato que a experiência narrativa pode ser conturbada pelos assuntos tratados, com o tema de violência e seu vinculo com vicio em drogas, além do parte psicológica que traz a tona a síndrome de Estocolmo da protagonista. Como o jogo traz na sua essência a tomada de decisões, o resultado final pode mudar.

~~ Alerta de spoilers ~~

Anúncio

A narrativa traz uma cadência de eventos que desenrolam num momento pontual da vida jovem Gitta. Seu vicio em drogas, é o estopim e tem base em uma infância traumática e confusa. O jogo carrega uma interpretação entre duas realidades que mesclando a vida real e as visões dela em decorrência a ausência da GSBV em seu organismo.

Então temos a presença de Bres Lupus, ele vem como o ponto de virada da narrativa, após Gitta começar a ter problemas com seu traficante. Ela e Bres tem um passado em comum, e mesmo sendo capturada por ele, Gitta começa a desenvolver uma empatia aos fatos que ligam os dois. Então nesse ponto, com ou sem ele você desenvolve a autoestima de Gitta que procura as verdadeiras respostas de sua vida conturbada pelo uso de drogas.

of bird and cage
Imagem Divulgação

Escolha, que o tempo é curto

Of Bird and Cage é um jogo em primeira pessoa, você tem mais interações com o ambiente do que ações especificas, mas correr e pular são importantes devido a uma mecânica especifica desse jogo. Como um álbum musical, cada capitulo da história tem momentos cruciais que você terá que executar ações e decisões enquanto uma barra de tempo desce.

Então a frustração pode tomar conta devido ao fato de alguns desses momentos serem rápidos ou carregam alguma emoção, ou um Quick Time Event (QTE) ou um puzzle mais complexo. Já que os elementos visuais para alguns momentos, mesmo com o destaque azulado, pode ser ofuscado pela emoção.

Mas você pode falar, como assim ofuscado? Lembre que é uma obra musical e esses momentos estão associados a trilha sonora, em muitos momentos eu estava aproveitando a musica e a ambientação e falhando nas tarefas. E realmente eu acho isso valido, porque é uma proposta da experiência. Você tem a opção de recomeçar o capitulo para completar as tarefas, mas eu deixaria para o fator replay.

Of Bird and Cage conta com um sistema marcado pela frequência da droga GSBV, Gitta pode começar a ter visões onde o local que ela se encontra vai se transformando. Isso deve-se ao vicio, enquanto você tiver a droga em seu organismo a visão dela traz a realidade, mas que segredos esse local pode guardar quando a outra realidade vem? Aproveite o cenário e encontre os pássaros, eles também são uma forma de controlar essas visões.

Então aproveite os cenários e a história narrativa que se desenrola com suas escolhas e decisões. Desenvolva os atos e descubra o caminho que a bela e a sua fera vão enfrentar porque a narrativa é imersiva mas é curta, como um álbum de musica em 2 horas, você estará finalizando o game e o fim dele é uma surpresa que pesa diretamente naquilo que você escolheu.

Claro que quando temos um jogo em primeira pessoa em alguns momentos você pode se enroscar na sua movimentação ou como você deveria resolver um puzzle mas nada de mais. Dito que você pode ficar recomeçando o capitulo para sempre tomar um caminho desejado. Outro ponto que você pode levar um tempo para acostumar é a mecânica de bloqueio e ataque nas lutas

of bird and cage
Imagem Divulgação

O Projeto Of Bird and Cage

Desenvolvido pela Capricia Productions, o projeto de Of Bird and Cage levou 6 anos para trazer a união entre uma obra musical e a experiência de imersão dentro de um jogo. A releitura de a Bela e a Fera é a pedra fundamental desse projeto que é bem refletida em uma visão e um tema atual.

Lembrando que esse projeto contou com um corpo de músicos que juntamente com Arnold Nesis. Entre as dublagens e arranjos temos Kobra Paige (Kobra and the Lotus), Danny Worsnop (Asking Alexandria), Davidavi ‘Vidi‘ Dolev (Gunned Down Horses), Ron “Bumblefoot” Thal (ex-Guns N ‘Roses), Rob van der Loo (Epica), Ruud Jolie (Within Temptation), Casey Grillo (ex-Kamelot), Rocky Gray (ex-Evanescence), Mike Lepond (Symphony X), Tina Guo e Snowy Shaw (ex King Diamond, ex Therion, ex-Dimmu Borgir).

O jogo conta com sistema de conquistas e colecionáveis, um desses colecionáveis são CDs paródias com nomes de bandas e de músicas que estão espalhados pelos cenários. Você tem um fator replay alto, exatamente pelo fato do poder de escolha durante os cenários.

Além disso Of Bird and Cage conta com legendas e menus em português para você compreender melhor a narrativa. Você pode também pedir para a tradução das letras da músicas. Os momentos icônicos são marcados pelos personagens cantando e interpretando as faixas musicais.

Disponível para PC na Steam e distribuída pela All in! Games, Of Bird and Cage é um jogo sombrio que carrega uma obra prima musical. É uma experiência que me deixou bem pensativo ao final da primeira vez e que, por mais que seja curto é suficiente. Então escolha o caminho de Gitta e siga os pássaros.

of bird and cage
Imagem Divulgação

ADQUIRA AGORA NA STEAM

Anúncio