Anima Yell é um anime da Temporada de Outono 2018 e foi lançado no dia 7 de outubro na Crunchyroll. Está completo com 12 episódios na plataforma de streaming.

O anime é baseado em um mangá de comédia no estilo 4-koma, sobre um grupo de garotas que montam um clube de torcida. É escrito e desenhado pela Unohana Tsukasa e está em publicação na Manga Time Kirara Carat desde 2016.

A adaptação foi produzida pelo estúdio Doga Kobo, mesmo de New Game e Gabriel DropOut. A diretora encarregada foi a Satou Masako, que já trabalhou em animes como Ballroom e Youkoso e Haikyuu.

Anime Yell (Imagem Divulgação)

Colegial Gentil

A obra conta a história de Hatoya Kohane, uma colegial que adora fazer de tudo pelos outros e é muito gentil. Mas sua melhor amiga, Sawatari Uki, a confronta dizendo que ela precisa fazer algo por si mesma.

É nesse momento que Kohane assiste algumas líderes de torcida no parque treinando, onde vê pela primeira vez Arima Hizume, que também é estudante e está nesse grupo de torcida. Mais à frente Hizume será de suma importância nesse sonho de Kohane. A partir desse encontro, ela decide que quer torcer também e pretende fazer de tudo para alcançar seu objetivo.

anima yell
Anime Yell (Imagem Divulgação)

Temas Interessantes

Por mais que seja um anime sem muitas pretensões, Anima Yell aborda alguns temas interessantes a serem tratados, como o fato de líderes de torcidas serem menosprezadas ou subestimadas. Ninguém vê o valor de uma torcida e como isso pode ajudar em momentos decisivos. As personagens tentam sempre mostrar a todos o quão importante é uma boa torcida, algo bem interessante até para quem assiste e tem certo preconceito. Afinal, torcida é ou não um esporte?

As personagens são bem trabalhadas e mostram personalidades bem distintas. Há leves clichês entre elas, mas nesse caso é aceitável e mal atrapalha a trama. Cada uma das meninas do clube de torcida tem um motivo para querer fazer isso e o anime aborda bem essa parte. Mostra também o passado das meninas que já praticavam antes, sempre com partes positivas e negativas disso tudo, principalmente os problemas que a Hizume teve em seu clube antigo. Até porque, não é tão simples fazer uma torcida cativante.

Algo interessante que o anime mostra também é a customização de uniformes e os famosos “pompons”. Achei interessante elas fazerem seus próprios em vez de comprar pronto, mostrando como elas estão realmente empenhadas nisso e gostam de torcer.

anima yell
Anime Yell (Imagem Divulgação)

Têm bons momentos cômicos

Há algumas cenas bem engraçadas, mas não é aquele anime que vai fazer você chorar de rir, então não vá procurando isso. Mas têm bons momentos cômicos, protagonizados principalmente pela Kohane.

E como um bom anime de esportes, há sim a famosa competição que adoramos ver, mas é tratada bem rapidamente, o que é um tanto triste. Durante o anime mostra elas ajudando pessoas e clubes pela escola, e às vezes nem é com torcida realmente. Mas faz sentido, já que o clube é novo e várias pessoas têm certos preconceitos sobre ele.

Animação fluída

A animação é muito bonita, com traços fofos e bem fluidos, inclusive nas cenas onde as meninas estão dançando e torcendo. Não foram cenas estáticas ou com computação gráfica, o que dá pontos a obra. É tudo bem colorido e animado, assim como as personagens.

A abertura é cantada pelas seiyuus do anime e se chama “Jump Up Yell!!”. É legal no começo, mas pode ficar realmente enjoativo depois de ouvir algumas vezes. O encerramento também é cantado pelas seiyuus e se chama “One for All”. Segue a mesma vibe da abertura, mas pode ser menos enjoativa pelo fato de que quase ninguém vê o encerramento todo.

Anima Yell é um anime leve, descontraído, e raramente trouxe temas pesados para a trama. É aquela obra perfeita para assistir e se divertir sem pensar muito, assim como Yuru Camp e New Game. Mas, por ser assim, pode ser que muitas pessoas pensem que é sem graça e entediante. Então veja se gostou de algum anime semelhante antes de começar esse.

ASSISTA AGORA NA CRUNCHYOLL