Anúncio

Omohide Poro Poro, ou como ficou no Brasil, Memórias de Ontem, é um filme slice of life, de drama e romance, do Studio Ghibli, dirigido pelo Takahata Isao, um dos fundadores do estúdio. Em inglês ficou conhecido como “Only Yesterday”.

A obra foi baseada em um mangá de mesmo nome, lançado em 1987, com 3 volumes. Foi escrito por Okamoto Hotaru e ilustrado pela Tone Yuuko. Enquanto o filme foi lançado em 1991, ano do último volume do mangá, e teve a duração de 1 hora e 58 minutos, sendo bem longo para uma animação antiga.

O filme pode ser encontrado no catálogo da Netflix, que adicionará (quase) todos os filmes do Ghibli até março na plataforma, alegrando todos os fãs do estúdio.

Visitando os parentes no campo

Memórias de Ontem conta a história de Okajima Taeko. Ela mora em Tóquio e é bem-sucedida em seu trabalho. Para dar um tempo na sua vida agitada da cidade, ela decide visitar parentes no campo, onde acaba ajudando os habitantes com suas colheitas e afazeres. Taeko aprecia muito a vida tranquila do campo e adora as atividades dos fazendeiros de lá.

Enquanto assistimos à sua viagem, podemos acompanhar memórias de sua infância simultaneamente, mas de forma não-linear. É possível fazer um comparativo de como a Taeko era antes e como ela está agora, assim como seu modo de pensar e seus sonhos.

O filme nos leva a uma viagem pela vida de Taeko, nos mostrando como era sua infância, e os acontecimentos mais marcantes de quando ela tinha 10 anos. Nos mostra como a própria se sente em relação as suas memórias, do que ela sente falta e do que ela se arrepende.

Isso nos faz pensar em nossa própria vida. Se nós nos tornamos aquilo que queríamos quando éramos crianças, ou se aquela criança teria orgulho do adulto de hoje. O quanto melhoramos, no que pioramos. Os questionamentos, ao mesmo tempo que parecem simples e cotidianos, são muito profundos.

Esse filme trata dos assuntos de forma bem delicada, e até coisas que poderiam ter sido esquecidas com o tempo, mesmo que parecessem insignificantes até mesmo para a época, tem sua devida atenção, não só da animação, mas da própria protagonista.

memorias de ontem

Identificação

É muito fácil de se identificar com Taeko, tanto na sua fase criança, quanto na sua fase adulta. Quando criança, ela tinha suas crises e manhas, mas também tinha seu lado positivo e amável. Foi uma criança que teve alguns impedimentos em seus desejos, mas que na vida adulta conseguiu realiza-los, e descobrir por si só se era realmente aquilo que ela gostaria para si.

Muitas vezes, quando crianças, desejamos ter uma profissão, fazer algo específico, ou até viajar para algum lugar, mas é somente na vida adulta que descobrimos até onde ou quando isso é possível e se realmente é algo que queremos.

A relação de Taeko com os moradores do campo também é explorada, principalmente com Toshio, que a acompanha durante sua estadia, tentando sempre a deixar confortável por lá. É uma amizade simples, mas muito sincera.

No fim, após relembrar desses acontecimentos do passado e tudo o que ela desejou e deseja atualmente para sua vida, Taeko se vê com uma escolha difícil de tomar, que só vamos descobrir no terceiro ato.

memorias de ontem

Desenvolvimento e Ritmo

O filme pode ser um pouco “arrastado”, por conta de sua duração, e, por ser um slice, todos os acontecimentos são bem cotidianos. Admito que a parte da infância me cativou mais que a parte adulta. Durante boa parte do filme eu não estava gostando tanto da história.

Mas a segunda metade me fez olhar para a história com outros olhos. Toda a sequência final é linda. Não é surpreendente hoje em dia, mas na época provavelmente foi. Só que isso não tira toda a graça que ela tem. Uniu passado e presente, para guiar a personagem mais uma vez, em direção a mais uma decisão em sua vida.

Memórias de Ontem não é um dos filmes mais conhecidos do estúdio Ghibli, mas tem seu mérito e deve ser assistido da mesma forma. Nos traz questionamentos, alegria, memórias boas e ruins. Nos apresenta a uma personagem doce e uma vida mais simplista. É um filme lindo, que todo fã de Ghibli deveria assistir.

ASSISTA AGORA NA NETFLIX