Hoje o SUCO é especial! Temos o prazer de entrevistar o quadrinista Max Andrade, criador Tools Challenge, o primeiro mangá brasileiro a ser publicado pelo Catarse.

Max está lançando o segundo volume de sua obra também pelo mesmo sistema e, quem quiser apoiar e comprar, é só entrar AQUI.

Agora se liga nessa conversa muito massa que o FRANJA teve com o cara:

Ae Max, tranquilo brother? Primeiro, se apresenta pra galera!

Opa, todo beleza! Valeu pelo help e pela disposição, galera. Meu nome completo é Max  Andrade Duarte, tenho 22 anos (por mais um mês), e sou de Uberlândia, Minas Gerais.

Eu desenho desde sempre, igual todo mundo, mas foi mais ou menos em 2008 que comecei a levar a sério e busquei trabalhar pra valer. Nos quadrinhos, acho que não tem como, pode não ser a melhor, mas a mais importante é o Tools Challenge.

Como está descrito logo acima, o foco da entrevista é sobre seu mangá, Tools Challenge. Fale um pouco sobre ele!

Em linhas gerais o mangá acontece em um mundo similar ao nosso mas com uma diferença um tanto quanto bizarra: cada pessoa nasce com uma ferramenta consigo, como se fosse um órgão a mais. Algumas pessoas nascem com ferramentas especiais chamadas “Série Ouro”, e para essas pessoas, passar muito tempo longe de suas ferramentas significa a morte.

Nesse contexto somos apresentados a Raion, um garoto que teve sua ferramenta Série Ouro roubada logo ao nascer. Numa reviravolta do destino ele pode reencontrar a peça, mas precisa se envolver num torneio mortal travado por demais portadores dessas ferramentas excepcionais.

Tools Challenge foi o primeiro mangá nacional lançado através do Catarse, parabéns! Como funciona esse sistema? Você pensa que a plataforma é a melhor solução para a galera que quer publicar seus trabalhos independentes?

O Catarse é um dos sites de uma nova ideia que surgiu no mundo, o financiamento colaborativo. Lá nos EUA já é bem popular e aqui está cada vez mais conhecido.

Basicamente, é o conceito de vaquinha onde várias pessoas se juntam pra realizar um projeto, e todo mundo que ajuda recebe prêmios por isso. Agora, não acredito que o site seja uma solução, e sim uma alternativa.

Colocar um projeto no Catarse não significa que ele vai dar certo. Dá muito trabalho, você se coloca em risco e tem muitas chances de não dar certo se o projeto não estiver bem feito e honesto. Para o Tools Challenge acredito que se encaixou bem, mas devemos sempre considerar todas as alternativas.

Sobre o segundo volume, o que a galera pode esperar? Vende seu peixe aí brother! Tem mais algum projeto que você está trabalhando?

Dois capítulos já estão disponíveis gratuitamente no site, e esse mês sai mais um. O volume dois vai ter mais outros dois capítulos e uns bônus, que vão ser liberados na net só depois que a galera já tiver recebido o mangá pra privilegiar os apoiadores!

Sobre a história, agora que está ficando legal, e acho que tenho melhorado a cada capítulo. Nesse volume, os 3 personagens principais vão ter suas bases bem desenvolvidas.

Tem altos projetos rolando nos bastidores. Esse ano, pra você ter ideia, se todos os planos derem certo é possível ter 7 trampos em revistas por aí. Uma já saiu, que é a Conexão Nanquim Especial. O resto é tudo segredo!

Como é trabalhar com desenho no Brasil? Manda aquela dica para quem está começando!

Pois é, complicado, né? Hahaha. Você sabe que é tenso, e que a gente faz muito mais por amor a causa do que por grana. Não estou falando que somos samaritanos, mas se estivéssemos só atrás de dinheiro arrumávamos outro emprego mais fácil e mais rentável, certo? É muito difícil.

Eu pego freelas de tudo que é tipo, dou umas aulas particulares e quando estou de boa faço os mangás, que são a verdadeira razão de eu estar nessa. Apesar disso, todo o resto é muito legal! Pra galera que está começando, só digo pra dar as caras e procurar os trampos. Não espere eles virem até você. Arregaça as mangas e vai lá!

Tools Challenge
Tools Challenge, por Max Andrade (Imagem Divulgação)

Qual seu quadrinho e autor favorito?

Minha HQ favorita de todos os tempos no multiverso é Slam Dunk. Sou simplesmente apaixonado. Talvez igual você com One Piece, pra tu ter ideia do grau! Hahaha.

Também entre os favoritos estão Dragon Ball, Samurai X, Yu Yu Hakusho, Video Girl Ai, Vagabond, Eyeshield 21, Calvin e Haroldo, Charlie Brown, Malvados, Níquel Náusea, Retalhos, e o próprio One Piece, dentre outros.

Já o autor que mais gosto se chama Masanori Morita, mas infelizmente temos pouco acesso ao trampo dele. Claro que vale citar o (Takehiko) Inoue também.

E seu primeiro contato com os quadrinhos, foi como?

Cara, nem lembro, porque sempre estive rodeado delas. Meu pai colecionava, e eu sempre dava birra desde que me lembro por causa de gibi.

“Só a persistência vai gerar frutos nesse meio”

O que eu consigo me lembrar é de quando não sabia ler ainda e vi meu irmão lendo uma adaptação do Toy Story em quadrinhos. Lembro porque senti uma vontade muito grande de saber ler pra poder curtir aquilo.

Valeu pela entrevista Max! A equipe do Suco de Mangá fica feliz pra caramba em divulgar o Tools Challenge. Abraço brother! Continue firme e forte, você já um exemplo para a garotada que desejar ser quadrinista! Valeu!

Eu que agradeço, mesmo! Não é muita gente que dá moral, o que torna as coisas mais difíceis ainda.

Acho que estou longe de ser um exemplo, mas se tem uma dica que posso dar pra galera que ama REALMENTE desenhar e quer fazer isso ao invés das outras coisas chatas que nos oferecem é nunca desistir.

Parece besta e clichê, mas só a persistência vai gerar frutos nesse meio. E esteja preparado pras “consequências” da sua escolha.

Tools Challenge
Tools Challenge, por Max Andrade (Imagem Divulgação)

LINKS

FACEBOOK – MAX ANDRADE

TWITTER – MAX ANDRADE

FACEBOOK – TOOLS CHALLENGE