Vencedor do 1º Edital de Publicação de Livros da Secretaria de Cultura de São Paulo, Homens Adoram Mulheres Perfeitas foi lançado pela editora Patuá e marca a estreia da escritora Andréa Catrópae uma ótima estreia! 

Andréa Catrópa é escritora e doutora em Teoria Literária e publicou em 2008 o livro de poemas “Megulho às Avessas”, pela Lumme, e em 2017 o volume de contos “Sem Sistema”, já pela editora Patuá.

Já Homens Adoram Mulheres Perfeitas é um romance com 180 páginas separados em cinco partes: Prólogo, Desordem, Trégua, Suspensão e Abandono. Todos são divididos em capítulos nomeados por uma palavra-chave referente aos acontecimentos daquele momento.

Taijin Kyofusho – fobia social

Na trama temos Eduardo Hori, um nissei paulistano (segunda geração de imigrantes japoneses) que trabalha em um hospital na grande cidade de São Paulo. Apesar de contar com uma vida profissional estável, a social é limitada por ter de cuidar de sua esposa, Marina, que sofre de uma doença motora e de extrema dependência de seu marido.

A história passa pelo cotidiano do hospital e da vivência de Eduardo com seus colegas de trabalho, como seu chefe, Ricardo, e a enfermeira Ângela, que começa a invadir os pensamentos do protagonista e dá-se início a um suposto triangulo amoroso.

Homens adoram mulheres perfeitas
Capa de Homens adoram mulheres perfeitas

Do cômico ao dramático

É interessante de como a autora construiu a narrativa da trama, pois apesar de toda a problemática que encontramos com Eduardo, temos diversas passagens cômicas – principalmente na primeira metade do livro – e que dão aquele alívio nos pensamentos pessimistas do personagem principal.

E do alívio cômico temos uma construção que termina em um suspense dramático – beirando um thriller – e que considero ainda mais interessante que o próprio plot twist da trama. O ritmo a partir do quarto ato se torna frenético e desafio o leitor a tentar largar o livro sem terminá-lo.

Referências Nostálgicas

Para quem visitou São Paulo, é nostálgico imaginar os locais detalhados pela autora, principalmente com as referências ao Bairro da Liberdade e claro, a Cultura Pop nipônica com citações de animes como Evangelion, que sem dar muitos spoilers aqui, a personagem Rei e Marina tem MUITO em comum.

É difícil escrever sobre o livro sem liberar suas passagens, pois de fato não quero dar nenhuma pista do que Ele “esconde”. O ritmo é empolgante através da narrativa de Catrópa e o que faz você ler Homens Adoram Mulheres Perfeitas num fim de tarde – ou em algumas poucas horas.

Com um título irônico – e que fará sentido através de sua leitura – Homens Adoram Mulheres Perfeitas tem uma abordagem interessante da cultura nipônica, da problemática social e da relação Eduardo x Marina. Leitura recomendada! 

homens adoram mulheres perfeitas
Homens Adoram Mulheres Perfeitas (Foto: Suco de Mangá)

COMPRE AGORA NA AMAZON

LEIA O PRÓLOGO DO LIVRO AQUI

REVIEW
Homens Adoram Mulheres Perfeitas
Artigo anteriorMais detalhes da série Falcão e Soldado Invernal
Próximo artigoAggretsuko | 2ª temporada em junho na Netflix!
BELLAN
O #BELLAN é um nerd assíduo e extremamente sistemático com o que assiste ou lê; ele vai querer terminar mesmo sendo a pior coisa do mundo. Bizarrices, experimentalismo e obras soturnas, é com ele mesmo.