Já é um fato conhecido que o Japão não é um país de maioria católica e têm poucos fiéis da religião, cerca de 1% da população. Mas eles não comemoram o Natal? Bom, não do jeito ocidental.

O Natal não tem um sentido religioso ou de reunir a família para comer uma ave gorda que foi ao forno com acompanhamentos infames como arroz com passas. O Natal do Japão é focado na beleza da decoração e no clima romântico, nem mesmo é feriado e tudo funciona normalmente no dia.

CONFIRA O ÁLBUM COMPLETO NO FACEBOOK

CONFIRA O ÁLBUM COMPLETO NO DRIVE

Parece que durante a época das festas, o Japão vai na direção contrária dos países ocidentais, já que o Natal é uma data para se encontrar com os amigos ou sair em casal para aproveitar as festas, enquanto o Ano Novo é motivo para reunir as família, visitar os templos e entrar no Ano Novo aproveitando uma bela ceia farta.

O Natal japonês tem suas próprias características, basicamente é muita decoração e belas iluminações, misturado com comidas que remetem aos EUA e muito romantismo. Confira as tradições de Natal que tornam o Natal no Japão tão único.

KFC: A Ceia de Natal Japonesa Oficial

Todo natal, cerca de 3,6 milhões de famílias japonesas compram sua “ceia” no KFC – Sim, o fast food de frango frito.  De alguma forma, essa é a maior tradição do espírito natalino japonês. A demanda é tão grande que as pessoas começam a fazer pedidos do menu especial de natal 6 semanas antes. E a fila de espera no dia do Natal é tão longa que pode durar horas.

Tudo começou com Takeshi Okawara, o gerente do primeiro KFC do país. Logo depois de inaugurar em 1970, Okawara teve a idéia de vender “baldes de festa” especiais para o natal depois de ouvir vários estrangeiros reclamando que sentiam falta da comida típica durante essa época.

Menu de Natal do KFC
Menu de Natal do KFC

Em 1974, o KFC pôs em ação seu plano de marketing nacional, chamado クリスマスにはケンタッキー (Kentucky para o Natal). A propaganda deu tão certo que Okawara ascendeu rapidamente na empresa até chegar ao cargo de CEO do KFC do Japão, entre 1984 e 2002.

O Balde de Festa se tornou um fenômeno nacional quase que instantaneamente, sendo que até então não havia nenhuma tradição de natal no país.

Propaganda do Kentucky para o Natal de 1981.

As refeições são grandes o suficiente para uma família inteira e incluem não apenas frango frito, mas também bolo e salada, dependendo do combo que você escolher.

Além disso, a campanha ajudou a divulgar o “mascote” da empresa, o Coronel Sanders, que durante o final do ano é vestido com a roupa do Papai Noel, o que o tornou a imagem principal do Papai Noel no país.

Mas e o bom e velho Chester, frango assado ou peru de Natal? Alguns mercados já vendem frangos assados inteiros, coxas de peru ou frango assados e refeições completas com salsicha alemã, frango frito e frango assado. Até mesmo nas lojas de conveniência vendem alguns pedaços de individuais de frango ou peru assado.

Um Bolo de Natal com Gosto de Prosperidade

Outra tradição culinária importante do Natal no Japão são os クリスマスケーキ, que são bolos com massa de pão de ló com cobertura e recheio de chantilly e morango. É um bolo bem comum no Japão e é vendido o ano todo, até mesmo nos mercados e lojas de conveniência. Muito popular no Natal e nos aniversários, o bolo ganhou popularidade após a derrota do Japão na 2ª Guerra Mundial. Foi uma época de sofrimento e escassez de comida, e os doces eram verdadeiros itens de luxo. Com a Ocupação Americana que forçou a reconstrução do país, os doces começaram a serem vistos uma esperança de um futuro melhor e mais próspero.

Conforme o conceito do Natal foi entrando no país após a guerra, a economia também quis se beneficiar disso. Com os ingredientes agora disponíveis, esse bolo de natal de morango se tornou um símbolo de superação. Os morangos e o chantilly foram escolhidos pois representam as cores da bandeira do Japão.

Estação de Quioto

Iluminações de Inverno

Diferente do Brasil onde boa parte das iluminações ficam dentro de shoppings e outros lugares fechados, as iluminações de natal no Japão são feitas não só nos shoppings, mas também ao ar livre, em jardins, ruas, áreas públicas e até mesmo em hotéis, restaurantes e aquários. O cenário é tão bonito que te faz sentir no clima natalino, cheio de pessoas contentes e maravilhadas pelas luzes, fora o frio que dá um charme especial ao evento.

Estação de Tóquio

Mercados de Natal

De norte a sul, o Japão apresenta mercados típicos de natal de inspiração europeia. Geralmente os mercados começam no final de novembro e se estendem até o dia do Natal. Os mercados são bem iluminados, com belas decorações e comidas “típicas”, como salsichas alemães e quentão (vinho quente).

mercado Natal Japão

O Espetáculo de Natal da Disney

Na Disney de Tokyo, todos podem se encantar com o evento especial “Fantasia de Natal” com temas de contos de fadas com os personagens da Disney em um clima natalino. O evento ainda tem fogos de artifício, produtos especiais, doces de graça e um menu de natal especial. É um ótimo lugar para passar o natal em família com as crianças.

Frozen Natal Japão
Decoração de Frozen 2

Compras de Natal

Como o Natal não é uma tradição japonesa, todas as lojas ficam abertas em horário normal. Você pode comprar várias decorações tradicionais de Natal, incluindo árvores de Natal, ornamentos, utensílios e tudo mais com tema natalino.

Além disso, a troca de presentes se tornou uma tradição entre os casais, portanto, é bem comum ver sugestões de presentes românticos e até eróticos.

A Data mais Romântica do Ano

Para a maioria dos japoneses, a Véspera de Natal é mais importante do que o dia de Natal, já que esse é o dia mais romântico do ano, como uma espécie de Dia dos Namorados. Os casais saem para jantares caros e andam pelas ruas para ver as belas iluminações. Também é um dos dias do ano com maior movimentação nos motéis, que ficam praticamente todos lotados.

natal japão

A origem disso é um pouco desconhecida, alguns dizem que é porque o Natal é uma época de Amor e Alegria, então associaram amor ao amor de um casal. Mas também existe outra história, que remete a 1982, quando um sucesso musical chamado “My Lover is Santa Claus” alcançou o topo das paradas e sucesso. Também tem uma versão que diz que em 1988, Tatsuro Tamashita lanlou uma canção chamada “Christmas Eve”, que conta sobre a tristeza de se passar o natal sozinho. Essa canção ganhou popularidade em 1990 através de um dorama que conta a vida de vários casais que trabalham em um grande banco e cujo clímax se dá na Véspera de Natal.

De qualquer forma, essas músicas são como o “Então é Natal” da Simone, e toca em todos os lugares durante essa época.