Para os fãs de indie games orientais, White Day: A Labyrinth Named School é um nome já conhecido. Lançado há alguns anos atrás ele se tornou rapidamente popular por trazer o melhor do terror coreano que nós tanto gostamos.

Confira também: Hellblade: Senua’s Sacrifice | Review

Com a premissa de se aventurar em uma escola no período noturno fugindo de zeladores possuídos e diversos fantasmas, White Day marcou época, e recentemente (em agosto), teve lançado seu remake para PC e PS4.

Nova Versão

White Day A Labyrinth Named School (Imagem Divulgação)

Essa nova versão que já havia estreado para mobile android/IOS é uma versão remasterizada do jogo anterior, com o mesmo enredo, mais conteúdo exclusivo e correção de muitos bugs e erros que havia em seu original.

Pela bagatela de R$55,99 (na steam) você pode adquirir algumas intensas de jogatina, mas atenção: não há nenhuma tradução do jogo para português até agora, nem tão breve pretensão – porém – para quem já havia lidado com a porca versão traduzida original, esse novo remake conta com o idioma inglês, francês, italiano e alemão.

Amor à Primeira Vista

Com mais de 40 conquistas disponíveis o jogo gira em torno de um jovem garoto que tem como objetivo dar um presente (e devolver o diário) para a garota que ele se apaixonou a primeira vista. Hee-Min Lee, nosso protagonista, entra na escola durante a noite e é surpreendido com outras colegas de classe e um ambiente pouco amistoso e cheio de horrores.

Apesar do jogo possuir avaliação neutra (com apenas 63% delas sendo positivas), não decepciona para os amantes da primeira versão, que conta com correções de bugs e um ótimo gráfico 3D – e muitos sustos!

Experiência no HARD! 

Para aqueles que quiserem aproveitar a experiência como um todo, é recomendado jogar na dificuldade Hard, que garante o desbloqueio de todos os fantasmas escondidos, além disso, após a conclusão do jogo nessa dificuldade, uma rota exclusiva é liberada e mais cerca de 3 horas de conteúdo extra ficam disponibilizados com uma nova personagem.

A trama pode parecer confusa algumas vezes, e uma ou duas informações se perdem na tradução para o inglês, porém, com múltiplos finais, White Day: A Labyrinth Named School se mostra um grato presente para todos os amantes do terror oriental.