Salve galera Soket na barraquinha do SUCO, para mais um primeiro gole! Hoje apresentando as primeiras considerações sobre o novato da Blizzard: Overwatch! Prepare seus equipamentos, munição e um dose extra de suco, pois a aventura vai começar!

*No fim do post tem um gameplay que gravamos de Overwatch! 

Sejam bem-vindos ao Overwatch

A Blizzard impressionou todos quando revelou na Blizzcon o seu novo projeto, e os blizzmaniacos assim como EU, ficaram de queixos caídos com a qualidade cinematográfica que foi apresentada. Overwatch é um shooter multiplayer onde dois times de 6 pessoas se enfrentam em missões ao longo de uma terra futurista. A história em si é ainda meio obscura, porém. o que se sabe é de que um grupo de heróis chamado “Overwatch” acabou com uma crise mundial durante uma guerra, e a paz havia retornado a Terra. Depois de muitos anos o grupo foi desfeito, porém o conflito está renascendo e precisamos daqueles heróis.

Sabemos que o avanço da tecnologia antes do conflito permitiu nosso grande amigo e um dos protagonistas, Winston, de evoluir para um símio inteligente e poderoso. Há de se entender que há vários heróis e vilões espalhados pelo mundo com habilidades de combate únicas e que estão reascendendo a chama do combate, como os pulos de tempo da – garota propaganda do jogo – Tracer e o movimento das sombras do Reaper. Você pode conferir os dois vídeos abaixo, e na sequência para poder entender um pouquinho mais da trama.

O sistema de Overwatch funciona geralmente em ataque contra defesa, temos quatro modos:

  • Ataque: Onde um grupo tem que capturar o objetivo enquanto outro grupo defende até que o tempo se esgote. Temos esse modo no Templo de Anúbis (Egito), Hanamura (Japão) e Indústrias Volskaya (Rússia).
  • Controle: As duas equipes simultaneamente lutam para capturar e assegurar um ponto de objetivo de cada vez, uma melhor de 3. Ocorre na Torre Lijiang (China), Ilios (Grécia) e Nepal.
  • Escolta: Os atacantes escoltam uma carga enquanto outro grupo tenta impedir que essa atinja o objetivo. Ocorre no Observatório Gibraltar, Dorado (México) e Rota 66 (EUA)
  • Ataque/Escolta: Os atacantes atacam o objetivo onde a carga está capturando e escoltando até o final enquanto os defensores tentam impedi-los. Ocorre no King’s Row (Inglaterra) Numbani (Ghana/Nigéria) e Hollywoof (EUA)

Os heróis são divididos em 4 (quatro) categorias:

  • Ofensivo: São os que causam mais dano de combate e geralmente que tem menos vida. Genji, McCree, Pharah, Reaper, Soldado: 76, Tracer
  • Defensivo: São os controladores do campo, de fracoatiradores a construtores eles mantem a ordem durante a batalha. Bastion, Hanzo, Junkrat, Mei, Torbjörn, Widowmaker
  • Tanque: São as muralhas do jogo, resistentes a dano, eles avançam na linha de frente para conquistar espaço. D.va, Reinhardt, Roadhog, Winston, Zarya.
  • Suporte: são os médicos do campo, eles fortificam e curam seus aliados, são a base de uma boa equipe. Lúcio , Mercy, Symmetra e Zenyatta

“Pede pra nerfar, NOOB!” – D.va

Os controles de Overwatch são simples, como shooters, os movimentos ficam nas teclas WASD, o mouse é usado para mira, tiros secundários e principais, a tecla CRTL, faz o personagem agachar. E dependendo de cada personagem eles tem suas habilidades únicas geralmente encontrados na tecla Shift-Esquerdo e na tecla E. Por exemplo: Roadhog usa uma bomba de gás para curar sua vida (tecla E) e um gancho (shift) semelhante ao Pudge do WoW e do Butcher/ Açougueiro do Diablo para pegar um alvo e arrastar até ele!

Todos os personagens durante a partida enchem uma porcentagem durante o combate permitindo eles a usar suas técnicas supremas. Ela pode ser utilizada no momento que você atinge 100% e com a tecla Q, você a libera contra seus inimigos. Hanzo libera uma cólera do dragão atingindo infligindo dano numa linha reta, Reaper parecido com a vingança de Demon Hunter do Diablo III dispara tiros para todas as direções em forma de sombra.

Na área de controle você pode alterar seu herói com a tecla H e você pode ver as habilidades apertando a tecla F1. E se as balas acabarem, dê um pulo para o lado com a tecla space e recarregue sua arma com a tecla R.

“Eita P@##$ !” – Junkrat

A Blizzard acertou muito na qualidade gráfica do jogo, bem cartoon, ele prende muito aos detalhes, desde pequenas sombras e flores a grandes efeitos gráficos de tiros e ambientes. A dublagem está muito boa, você pode perceber que cada personagem tem um sotaque nativo de onde veio, por exemplo, Widowmaker é russa e Torbjörn vem das terras nórdicas, mas ele não é sueco viu!? E cuidado, as vezes rola diálogos pesados entre personagens até uns xingamentos de leve, não é mesmo Junkrat?

O beta ocorreu entre os dias 5 a 10 de maio (um dia A MAIS do prometido) atingindo quase 10 milhões de jogares em todo mundo, segundo a própria Blizzard! Alguns deles vão notar e podem até reclamar que há muitos elementos de Team Fortress 2, sendo assim um jogo não muito original para o peso da Blizzard. Mas há muitos elementos que dão a Overwatch aquele gosto de quero mais, com partidas rápidas e itens colecionáveis com o avanço de nível.

Overwatch conquistou um espaço para meu divertimento e espero que conquiste muito mais. Parabéns a equipe brasileira que trabalhou, pois a dublagem e a tradução está espetacular, e vamos esperar uma fase no Brasil, por que o Lúcio é brasileiro, carioca e músico!!!

Esse foi o primeiro gole de Overwatch, bons tiros e fiquem de olho nos easter eggs do jogo!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorOuça o tema musical de Mirror’s Edge Catalyst por CHVRCHES
Próximo artigoOverwatch (Beta) | Gameplay
Soket

O Soket é um cara comum que geralmente tem umas idéias de conteúdo ilógico, consegue ser um piadista ruim em 99,9% dos casos. Gosta de um bom e velho rock n’ roll além de jogar RPG de mesa. Se um apocalipse zumbi acontecer… minha opção seria uma boa despedida num balcão de bar.