O Suco Entrevista de hoje é com uma pessoa que admiramos faz muito tempo: Claudia Andriolo, a Haru! Mega talentosa, ela tem um canal hiper batuta no Youtube – com muita coisa de Anime e Mangá <3 – e também atua como dubladora. Para complementar esta entrevista, sugerimos o vídeo ’50 Fatos Sobre Mim’ da Haru, logo abaixo.

“Eu SOU a Haru. Ela não é um personagem, sou eu. 100%”

Como era a Claudia Andriolo criança?

Bom, a coisa que eu mais me lembro de quando eu era criança era de brincar sozinha, jogar videogame e ver desenhos. Falando de brincadeiras com amigos ou histórias engraçadas, não tenho muito o que dizer. Eu só fui fazer amiguinhos mesmo depois de tirar meus aparelhos (freio de burro, óculos de silicone e talas para andar).

Você sente falta de alguma coisa da sua infância?

O que eu sinto falta mesmo é o tempo livre pra brincar, estudar, e a liberdade que a gente acha que não tem quando é criança, mas que é algo muito precioso.

Tem(Tinha) algum desenho favorito?

Fullmetal Alchemist! E falando de Cartoon, Steven Universe. Ou Hora de Aventura. Ou Titio Avô. Ah, puxa..

O que anda assistindo ou lendo atualmente?

Game of Thornes *claro*, Akagami no Shirayukihime, e voltei a ver Naruto! Também estou lendo Roverandom 🙂

Roverandom, J. R. R. Tolkien (Capa Divulgação)
Roverandom, J. R. R. Tolkien (Capa Divulgação)

Quando e como surgiu a ideia de criar o seu canal no Youtube?

Bom, eu acompanhei o Youtube gringo por um tempo, e via que existiam pessoas com as quais eu me identificava que faziam vídeos. E pensei que, talvez, eu pudesse tentar também. Na verdade eu estava passando por um período de bastante insegurança na minha vida, e pensei que, já que eu não tinha nada a perder mesmo.. Por quê não?

O que mudou do seu primeiro vídeo para os últimos? Ou, como é a Haru do primeiro para o último?

Eu mesma não mudei muito, mas a forma de falar na frente da câmera e de me comportar mais naturalmente melhorou muito. Eu tinha um pouco de vergonha do quê as pessoas poderiam achar, então era um pouco mais recatada. Mas depois que eu vi que coisas boas e ruins surgem nesse meio de qualquer forma, você fazendo algo que você gosta ou não, pensei que seria bem mais legal fazer o que eu gosto do jeito que eu gosto.

Você tem problemas em dividir a vida virtual da real ou já pensou em desistir do seu trabalho na internet?

Não tenho nenhum problema, até porque, elas são a mesma coisa. Eu SOU a Haru. Ela não é um personagem, sou eu. 100%, é aquilo lá. Por mais zoado que pareça, eu falo daquele jeito, eu sou retardada daquele jeito, e eu tô bem feliz assim. O único problema, para ser bem sincera, é que o Youtube não pode pagar as minhas contas, e portanto, eu sou obrigada a trabalhar em outra área. É frustrante, mas quem sabe algum dia eu possa viver fazendo o que eu gosto, que são meus vídeos. Eu postaria vídeo todo dia, o tempo todo se pudesse!

Sabemos que com a exposição na internet, a incidência de haters e cyberbulling aumenta bastante. Como você lida com tais comentários ou pessoas que não “aceitam” o seu tipo de trabalho?

Bom, antes de existir cyberbullying eu enfrentei um negócio tão ruim quanto, que é bullying de verdade. Eu era a própria Darla do Procurando Nemo (na verdade eu hoje faço piada, mas eu nasci bem antes do que devia, quase morri e tenho alguns problemas de saúde, por isso tantos aparelhos), e as crianças acham isso engraçado. Eu hoje não culpo, afinal eu era diferente mesmo. Eu era uma menina muito mais baixa que o resto da turma, usava óculos de silicone fundo de garrafa, era mais branca que um palmito, não andava direito (depois comecei a usar tala para a perna, e melhorou), e usava aparelho externo, aquele freio de burro da Darla mesmo. Depois, com muito tratamento e todos esses probleminhas semi resolvidos conforme eu estava crescendo, começar um canal no youtube e ser xingada na web não parecia tão ruim quanto ser xingada na cara, como aconteceu a vida inteira. Achei bem.. normal. Hating pra mim é bem normal. Acho até estranho quando as pessoas perguntam sobre isso, porque.. Pra mim faz parte do jogo.

Como é sua relação com seus fãs?

Ótima! Temos um grupão no Facebook onde eu sou bem ativa, sempre tento responder todo mundo no máximo de redes sociais possível, e vira e mexe eu marco rolês pro cinema ou algum outro lugar com os meus Patreons.

De todos os seus vídeos, qual o seu preferido e por quê?

A Invocação do Dollynho! Foi um dos mais divertidos de fazer, e uma idéia que veio do nada enquanto eu estava jogando em casa com um amigo. Queria realmente ter a grana pra fazer o filme todo! haha

Se pudesse ter um super-poder, qual seria e por quê?

Eu gostaria muito de ter os poderes da Jean Grey, eu ia trollar todo mundo e me enfiar na cabeça das pessoas pra fingir que sou a consciência delas, ou que sou um fantasma, e depois ficar ~levitando~ coisas perto da pessoa hahaha *[Nossa… o #BELLAN raxou aqui HAEUHEUHAE] 

Tem algo a nos dizer sobre projetos futuros? O que pode nos adiantar?

Eu gostaria MUITO! Mas não posso, é segredo mesmo 😡 MWAHAHAHAHAHA

 

GALERIA

LINKS

TWITTER
INSTAGRAM
FACEBOOK
YOUTUBE
SNAP: HaruJiggly
PARTICIPE DO GRUPO NO FACEBOOK